Neuromodulação no tratamento da dor crônica

Você sofre com a dor crônica? Conhece o tratamento por Neuromodulação? Então vem ver esse post

A Neuromodulação pode ser indicada para pacientes que não obtiveram resultados com tratamentos convencionais para minimizar ou eliminar a dor de origem na coluna cervical, torácica e lombar.

Para o tratamento da dor crônica, as principais técnicas de neuromodulação utilizadas são: a estimulação medular, estimulação cerebral, estimulação de raiz e estimulação de gânglio da raiz dorsal.

Tipos de escoliose

A escoliose pode ter diversas origens, diferentes prognósticos e evoluir distintamente em cada caso. A curvatura da coluna pode atingir a região lombar, torácica ou ambas as partes .

Estas curvaturas podem ser classificadas em: Funcional ou Estrutural. No tipo funcional, a deformidade ainda não está instalada definitivamente, pois não atinge as estruturas ósseas, somente os músculos; no tipo estrutural, a curvatura já atinge as vértebras e se fixa.

Os tipos mais comuns da escoliose são:

*Escoliose congênita (de nascença): Quando ocorre má formação ou divisão das vértebras;

*Escoliose neuromuscular: Surge por sequelas de doenças neurológicas;

*Escoliose idiopática: Considerada e apresenta características e níveis de evolução diferentes;

*Escoliose pós-traumática: Surge a partir de doenças do tecido conjuntivo e/ou anomalias cromossômicas;

*Escoliose Degenerativa do adulto: Causada pela degeneração de discos da coluna vertebral e de suas articulações;

A dor do paciente com câncer

A dor é um sintoma comum em pessoas com câncer e pode ser causada pelo próprio tumor ou pelo resultado de algum tratamento. Entenda mais 👇 Tumor - O crescimento do tumor pode exercer um efeito de pressão sobre algum tecido ou órgão, alterando a circulação, danificando estruturas e consequentemente, levando à dor. Se o câncer cresce ao redor da medula espinhal, por exemplo, pode causar compressão, produzindo uma dor intensa ou paralisia, se não for tratada.

Cirurgia - Sentir uma dor leve e controlada após uma cirurgia para remoção do câncer pode ser considerado normal. A maioria dessas dores desaparecem espontaneamente, mas algumas pessoas podem ter uma dor persistente durante meses ou anos, ou até mesmo, apresentá-la de forma permanente e incontrolável. Radioterapia - Normalmente utilizada para controle da dor do câncer, mas em alguns casos, ela pode ser a causa da dor, podendo até mesmo persistir durante meses ou anos após o tratamento.

Quimioterapia - Alguns quimioterápicos podem causar a dor com dormência nos dedos das mãos e dos pés. Normalmente, essa dor desaparece com o fim do tratamento, mas às vezes o dano é permanente.

O médico pode tratar a dor de várias maneiras, mas o tratamento mais adequado deve ser indicado após uma avaliação de diferentes especialistas, incluindo recomendações do Oncologista que acompanha o paciente e de um especialista em dor.

Hérnia de disco quando a cirurgia é indicada?

Sabia que cerca de 90% dos casos de hérnia de disco melhoram com o tratamento clínico? 😮 A cirurgia minimamente invasiva da coluna pode ser indicada apenas quando o paciente apresenta dor incapacitante ou algum sintoma neurológico associado como, perda de força ou sensibilidade 🤕 Pacientes que não respondem ao tratamento clínico também podem ser candidatos ao tratamento cirúrgico. A indicação de procedimentos só pode ser feita após avaliação de um especialista 🤓

  • 1
  • 2